Informações diversas e actuais de interesse a respeito da paróquia de LAGEOSA DO MONDEGO - Celorico da Beira, distrito da Guarda

sábado, outubro 08, 2005

“Aumentar e organizar melhor a colaboração entre sacerdotes, leigos e religiosos”

Objectivos do Plano Pastoral do ano 2005-2006

1 °) Dar prioridade à formação na Fé de todos os cristãos, a começar pelos adultos. Para isso:
  • Fazer um esforço conjunto, em toda a Diocese, para que surjam, onde ainda não existem, grupos de formação cristã integral e sistemática, nas nossas paróquias ou grupos de paróquias.
  • Procurar que haja um serviço diocesano com a finalidade de preparar um conjunto de temas básicos para serem propostos aos grupos de formação criados nas paróquias ou grupos de paróquias
  • Procurar que estes temas ajudem a reflectir sobre as características básicas indispensáveis para que uma paróquia se possa considerar realmente paróquia; sobre as atitudes básicas que identificam a vida cristã na Igreja e no mundo.
2°) Procurar que nas paróquias ou grupos de paróquias se criem espaços onde leigos, religiosos e sacerdotes conjuntamente elaborem os respectivos programas pastorais, se comprometam na sua execução e façam também a respectiva revisão.
  • Os conselhos pastorais paroquiais são importantes instrumentos previstos na lei canónica que queremos incentivar para conseguir este objectivo.
  • O horizonte é a constituição de futuras unidades pastorais.
3 °) Procurar fazer o máximo aproveitamento do grande número de agentes pastorais religiosos e leigos que já temos na Diocese com preparação básica doutrinal e pastoral. Para isso e à semelhança do que se fez no início do ano pastoral para toda a Diocese:
  • Fazer encontros com estes agentes pastorais por arciprestado e por zona pastoral
  • Desencadear o processo que permita, este ano, constituir o Conselho Pastoral Diocesano.
Manuel da Rocha Felicio, Bispo coadjutor da Guarda.
Guarda, 17 de Setembro de 2005

1 comentário:

freefun0616 disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blogue.